2006-02-24

Fracasso

Uma ideia nova ou um pensamento brilhante surgem. Agarramo-los com entusiasmo. Preparamo-nos para que o abstracto ganhe forma. Empenhamo-nos ao máximo. Vivemos na esperança de dar o nosso melhor. A prova final chega: tornar o abstracto concreto. Arrisca-se e, a dado momento, falhamos, falhamos de forma inexplicável. Não fomos capazes de superar as dificuldades, os medos e a pressão. De repente, tornamo-nos no pesadelo do próprio eu. Éramos diamante que se transformou em carvão. Nos dias seguintes, o sentimento de fracasso aumenta. Lamentamos as nossas falhas. Sentimo-nos culpados por não termos sido melhores. Martirizamo-nos por não termos feito desabrochar o belo. O novelo de algodão branco dos nossos pensamentos fica manchado. Choramos todas as lágrimas do corpo até ao absoluto cansaço, até que o abatimento esgote o eu. Depois, vivemos dias e noites que se arrastam lamentavelmente iguais. Porém, há-de chegar um dia em que a luz de um farol conseguirá furar o nevoeiro, uma luz que nos dará de novo a esperança de nos reencontrarmos e de, finalmente, nos perdoarmos a nós próprios...

8 comentários:

Blogger wind disse...

"e de, finalmente, nos perdoarmos a nós próprios...". Agarrei nestas tuas palavras porque são o mais importante de tudo. Acho que me entendes:) beijos

2/24/2006 02:56:00 da tarde  
Blogger ponto azul disse...

Na realidade é mesmo assim...Bjs :-)

2/24/2006 03:48:00 da tarde  
Blogger eco de mim disse...

ouve lá, isto tem alguma coisa a ver c a tua tristeza ali de baixo?

o fracasso é algo c q todos, sem excepção, temos de conviver. as pessoas de sucesso são aquelas q lidam bem c o fracasso, fracassar ñ as assusta nem as demove, pq confiam em si mms e sabem q se ñ foi desta... venha a próxima! =)

2/24/2006 04:24:00 da tarde  
Blogger Hipatia disse...

Para a frente fica sempre um caminho novo, cheio de possibilidades. Vale apenas guardar as coisas na memória; não vale transforma-las em lastro que nos impeçam os passos :)

2/24/2006 06:50:00 da tarde  
Anonymous Anónimo disse...

A única maneira de não ter de lidar com o fracasso é nunca tentar nada. E, nessa altura, ficamos eternamente arrependidos por nunca ter tentado. Portanto, há que seguir em frente, e estar atento a novas oportunidades.

Beijinhos

2/24/2006 06:58:00 da tarde  
Blogger Sonhador Acordado disse...

A única maneira de não ter de lidar com o fracasso é nunca tentar nada. E, nessa altura, ficamos eternamente arrependidos por nunca ter tentado. Portanto, há que seguir em frente, e estar atento a novas oportunidades.

Beijinhos
(o comentário anterior ficou como anónimo, não sei porquê).

2/24/2006 06:59:00 da tarde  
Blogger Marian disse...

Brilhante, a tua exposição de sentimentos, Jacky...
:***

2/24/2006 10:37:00 da tarde  
Blogger jacky disse...

Já é tempo, wind, de te perdoares a ti própria :)

Há que continuar, ponto...

Não tem nada a ver, Eco, escrevi este texto o ano passado (e aí sim foi sentido) quando ainda morava no weblog, mas achei que era coerente com os anteriores ;)

Hipatia, não sou de ficar no passado. E ainda bem!

Claro, sonhador acordado, mas às vezes custa aceitar o fracasso e há uns meses custou-me imenso :)

Foi sentida, Marian :)

2/25/2006 01:21:00 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home